ATWA na CNN

Manson no dia do seu aniversário de 75 anos

Aos 75 anos de idade, Charles Manson passou mais de metade da sua vida na prisão por planejar o notório crime de Helter Skelter, que deixou a atriz de Hollywood Sharon Tate e outros seis mortos em Los Angeles durante o verão de 1969.

Manson passou seu aniversário de 75 anos essa semana na prisão estatal de Corcoran, na Califórnia, onde ele está na unidade de alojamento de proteção. Alguns registros indicam que Manson nasceu em 12 de novembro, mas associados atuais de Manson e outros registros indicam que seu aniversário acontece no dia 11 de novembro.

“Ele passou o dia da mesma forma que ele passa todos os dias na prisão”, disse Terry Thornton, porta-voz do Departamento Estadual de Correções da Califórnia. “Ultimamente ele não tem saído de sua cela com muita freqüência”.

Ele acrescentou que Manson não mencionou o seu aniversário a ninguém, e só saiu da sua cela por cerca de 20 minutos na quarta-feira (dia 11).

Apesar de sua aparência ter mudado significativamente, além dos olhos arregalados que apareceram na capa da revista Life em 1969, Manson continua a exercer influência sobre algumas pessoas que o consideram um mensageiro.

Os funcionários da prisão dizem que Manson ainda recebe muitas cartas, e que passa a maior parte dos seus dias cantando e tocando guitarra em uma unidade de alta segurança. Ele também gasta tempo falando aos seus associados do lado de fora da prisão, como ”Gray Wolf”, 60, e “Star”, de 24 anos.

Gray Wolf disse que Manson lhe deu o seu nome – assim como ele nomeou os membros da sua famosa “família” de seguidores na década de 1960. Gray Wolf disse que ele se mudou para perto da prisão de Corcoran para que pudesse estar perto do homem que ele acredita possuir um profundo conhecimento sobre as questões ambientais.

“Manson pensa que a destruição do meio ambiente é muito mais grave do que as pessoas estão sendo guiadas a acreditar”, disse Gray Wolf à CNN. “O nosso governo mantém encoberto os problemas como a poluição, os automóveis. Charlie diz que nós precisamos voltar para os cavalos”.

Para Vincent Bugliosi, o homem que processou Manson e o enviou à prisão perpétua, não é surpresa que Manson continua a ter influência sobre algumas pessoas.

“Esse é apenas um microcosmo do grande interesse e fascínio que as pessoas ainda têm com Charles Manson”, disse Bugliosi. “A Família Manson não existe mais. Não há nenhum grupo que se autodenomine de Família Manson hoje”.

Seus nomes e palavras soam similar aos dos últimos seguidores de Manson.

Gray Wolf acredita que o tempo de Manson na prisão deu-lhe uma perspectiva única sobre o meio ambiente. “Pode-se caracterizar a prisão como um monastério, ou um retiro onde você tem todo o tempo para estar sozinho, e acho que assim ele teve tempo para desenvolver esses problemas mais e mais em sua cabeça”, disse Gray Wolf.

“A lenda que foi feita sobre Charlie Manson tem uma imagem criada pela imprensa que as pessoas fazem dinheiro todos os dias, mas não tem nada a ver com Charlie pessoalmente. Ele é uma pessoa muito apresentável”, ele acrescentou.

Star, também um nome dado por Manson, mudou-se de Illinois para estar mais perto dele.

“Ele é muito inteligente e muito afiado, e ele tem um bom senso de humor”, disse ela. “Ele tem um senso de humor estranho, mas eu gosto dele, e ele se encaixa comigo”.

As conversas vão desde pequenos papos sobre a vida na prisão até questões relacionadas com ATWA – um acrônimo para ar, árvores, água, animais – a filosofia ecológica defendida por Manson e seus seguidores.

O que é realmente criminoso, eles dizem, é a maneira com que o meio-ambiente está sendo envenenado.

Outra foto de Manson de novembro de 2009

“Crime é qualquer coisa que é feita contra a sua sobrevivência. Qualquer pecado contra a sua vida é um crime. O problema é que a atmosfera está morrendo. Tudo que é um pecado contra o ar é um pecado contra a sua vida. Qualquer um que cometa um pecado contra o ar deve ser considerado um criminoso, e qualquer pecado contra o ar deve ser considerado um crime”, diz Manson em uma conversa telefônica gravada.

Em uma recente conversa gravada com Star, Manson discutia as inundações na Malásia:

“Eles tiveram muitas chuvas e inundações, e um monte de gente está com problemas por lá, por isso estamos enviando pacotes para ajudar a cuidar deles. Eles são meio muçulmanos e meio cristãos, e por isso temos de manter um equilíbrio”, disse ele em uma conversa gravada. “A maneira como vivemos é a liberdade de religião de modo que nós não queremos [qualquer guerra] contra o povo. Nós queremos uma guerra contra a poluição. A guerra contra o povo não vai ajudar ninguém, mas uma guerra contra a poluição vai ajudar a todos”.

Star diz que ela foi atraída para o homem que ela descreveu como “um monge em um mosteiro” pelo seu ponto de vista sobre o meio-ambiente.

“Há um monte de pessoas em todo o mundo que dizem apoiar Charles Manson e sua visão de ATWA”, disse ela.

“O objetivo, realmente, o principal objetivo é basicamente salvar a vida no planeta Terra a partir do ser humano”, disse ela. “Nós temos a chave para tornar esse objetivo possível, e essa chave é Charles Manson”.

Mas Bugliosi diz que há uma atração mais obscura por Manson que vai além do seu movimento verde.

“Há uma certa mística que se desenvolveu em torno de Manson”, diz ele. “E uma das razões é que o próprio Manson veio a ser uma metáfora para o mal. Ele veio para representar o lado escuro e maligno da humanidade, e por qualquer razão as pessoas são fascinadas pelo mal”.

Para ler a matéria original, clique aqui

logo final

© 2009 ATWA Brasil

Anúncios

~ por ATWA Brasil em 18/11/2009.

3 Respostas to “ATWA na CNN”

  1. Parabés, Manson.

  2. A suastica que ele tem na testa é um simbolo do nazismo pois é exactamente a mesma suastica que hitler modificou ligeiramente, “dodando-a” um pouco…Para nao ser um simbolo de racismo nazi teria de ser a suastica “direita”.

    • A suástica é o que você quer ver nela. Se você quiser ver sangue, morte e guerra, você pode ver. É a sua suástica. A suástica de Manson é a suástica de Manson. Ele desenterrou no fundo da cela 13 do corredor da morte da Calfórnia. Estava lá, abandonada.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: